Um jovem de 22 anos foi preso por tentativa de homicídio depois de agredir o próprio filho de 1 ano e 11 meses, em Jaú (SP), na noite de quinta-feira (29). De acordo com informações da polícia, inicialmente o autor agrediu a companheira, de 17 anos, que é mãe da criança. Na sequência bateu no filho.

Reprodução
Reprodução

Segundo informações obtidas no boletim de ocorrência, o jovem agrediu o menino com socos e chutes, enfiou o dedo nos olhos, tentou sufocá-lo com uma toalha e o jogou violentamente na cama.

A equipe da Polícia Militar chegou a ser acionada para atender a ocorrência, mas não encontrou ninguém no imóvel. Horas depois, o pai do agressor chegou ao local e percebeu que a criança não apresentava boa saúde. O menino foi levado à Santa Casa da cidade. Até a manhã desta sexta-feira (29) não havia informações sobre o estado de saúde da criança.

Leia também:  Policial inconformado com fim de relacionamento agride ex-namorada no meio da rua

A PM foi acionada novamente e os pais do menino foram encontrados e levados à delegacia. Inicialmente o jovem disse que um vizinho teria agredido o filho, mas a mãe confessou que as agressões partiram do companheiro. Ele confessou o crime e foi preso em flagrante por tentativa de homicídio.

De acordo com a Polícia Civil, o indiciado já teria agredido a mãe e o menino outras vezes, mas a jovem alegou ter receio de pedir ajuda. Ainda segundo a polícia, o autor saiu da prisão há cinco meses, depois de cumprir pena por tráfico de drogas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.