17 de abril de 2021
Mais
    Capa Notícias Mato Grosso Governo do Estado faz entrega de equipamentos de proteção ao Corpo de...
    PROTEÇÃO INDIVIDUAL

    Governo do Estado faz entrega de equipamentos de proteção ao Corpo de Bombeiros

    Foto: Assessoria
    Foto: Assessoria

    O governador Pedro Taques entregou 500 capacetes gallet para o Batalhão do Corpo de Bombeiros, na manhã desta terça-feira (19.07), no salão nobre Clóves Vetoratto. Os equipamentos fazem parte de um investimento de R$ 1,5 milhão em aparelhamentos de proteção para oficiais da corporação.

    Além dos capacetes, o Estado também está adquirindo todo o conjunto de aproximação do fogo para a proteção dos soldados. O conjunto contém uma balaclava, botas de combate a incêndio, equipamento de proteção respiratória (EPR), luvas, calça e jaquetas especiais para o combate a incêndios.

    De acordo com o governador Pedro Taques, o restante dos equipamentos será adquirido até o final do ano, juntamente com 15 novas viaturas-tanque para municiar batalhões do Corpo de Bombeiros da Grande Cuiabá e de cidades do interior, totalizando um investimento de mais R$ 14 milhões.

    Segundo o governador, os capacetes adquiridos pelo Estado são os mesmos utilizados pelas melhores corporações do mundo, referência em diversos países da Europa. Cada capacete custa aproximadamente R$ 2 mil, somente com o equipamento, o Estado investiu R$ 850.

    Taques frisou que o material foi adquirido para que cada soldado possa ter o seu equipamento individual. “Nós temos em Mato Grosso, 1456 soldados do Corpo de Bombeiros Militar. A nossa administração, em um ano e seis meses, convocou 450 novos soldados, um terço do efetivo atual. Em cinco anos, haviam sido admitidos 75 soldados, nós chamamos 450”.

    Segundo o secretário de Estado de Segurança Pública, Rogers Jarbas, não basta convocar, é preciso dar condições de trabalho. “Estamos lidando com o bem mais preciso da Segurança Pública, que é a vida dos nossos profissionais, que saem todos os dias de suas casas, deixando suas famílias. E nós queremos que voltem a suas casas e que façam para que outros também voltem, preservando essas pessoas”.

    Conforme o comandante geral do Corpo de Bombeiros, Júlio Cesar Rodrigues, a compra dos equipamentos é histórica para Mato Grosso. Rodrigues destacou que há mais de cinco anos, o Estado não adquiria novos EPIs para a corporação, que são fundamentais para a segurança dos soldados.

    “Nós costumamos cumprir de maneira inflexível o nosso dever. Por conta disso, muito nos veem como heróis. Mas, nós não somos, somos técnicos, nossos corpos têm limitações físicas. Já tivemos bombeiros no passado que perderam a vida por não estarem usando o capacete, recentemente tivemos um colega que foi salvo por um. O capacete é para o bombeiro o equivalente ao colete à prova de balas é para o policial”.