Foto: assessoria
Foto: assessoria

Rondonópolis foi polo da segunda edição do Festrilha – Festival de Quadrilhas do Araguaia. A competição foi o passaporte para a final, que acontece dos dias 22 a 24 de julho, na cidade de Ribeirão Cascalheira. Três grupos foram classificados e vão representar a cidade na competição e deve disputar com outros 47 grupos do estado.

O secretário Municipal de Cultura, Luciano Carneiro, explica que esta etapa é a última e deve classificar os melhores do Estado. “Quem for melhor, vai representar o Mato Grosso no Festival Nacional de Quadrilhas. Demos um passo enorme e importante para a cultura da cidade. Os grupos estão tendo uma oportunidade ímpar”.

Estão na disputa três grupos de Rondonópolis, sendo eles Caipiras Unidos, Império Junino e Pavio de Candieiro, que terão que fazer bonito para conquistarem a classificação nessa última etapa.

Leia também:  Número 192 do SAMU está fora de área

Deivid Eduardo compõe o grupo Império Junino e nos contou que a expectativa é grande, o grupo está otimista e preparado. “É uma oportunidade única, somos privilegiados em levar o nome de Rondonópolis para todo o Estado. Estamos estudando e treinando para aperfeiçoar nossa dança e apresentar o melhor para os que forem prestigiar”, fala.

Já Gustavo Henrique Luz de Freitas, do grupo Pávio de Candieiro, explicou que a equipe já está feliz com a conquista e a oportunidade da viagem, que participar já faz deles vitoriosos. “Somos um grupo novo e já chegamos até aqui. A vitória não é o primeiro lugar, pra nós só o fato de estarmos entre os três da cidade já nos alegra, pois estamos em evidência”, confessa.

Leia também:  Reabertura da UTI Pediátrica é garantida após acordo com governo

Os grupos treinam uma média de três horas, todos os dias da semana. Os locais escolhidos para os ensaios são as escolas, quadra esportivas e praças.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.