Desta vez, o ex-vereador Lúdio Cabral (PT), principal nome da sigla, deve mesmo ficar de fora da disputa pela Prefeitura de Cuiabá. Isso porque durante uma reunião realizada ontem (9) na Capital, os delegados da legenda decidiram por unanimidade que vão apoiar a candidatura do ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva (PDT).

E a afinidade entre PDT e PT irá ainda mais longe já que ficou definido que os petistas devem decidir um nome para compor a chapa com o ex-juiz, já que a tendência é de que saia do PT a indicação do candidato a vice. A convenção dos petistas será no dia 30 de julho.

De acordo com uma fonte da coluna Bastidores um dos cotados para ser vice do ex-juiz é o vereador Alan Kardec. No entanto, o parlamentar já declarou que pretende concorrer a reeleição.

Leia também:  Tentando engolir

Os petistas defenderam na reunião um grande número de candidaturas a Prefeitura para que a eleição seja decidida apenas no 2º turno. Por enquanto tudo leva a crer que devem disputar a Prefeitura da Capital,  o prefeito Mauro Mendes (PSB), o deputado federal Valtenir Pereira (PMDB), o procurador da Fazenda Nacional, Mauro César Lara (PSOL), porém partidos menores, como PRB e Rede Sustentabilidade, também devem lançar nomes.

O encontro contou com nomes de destaque da legenda, como o deputado federal Ságuas Moraes, o ex-deputado Alexandre César e o vereador Arilson Silva.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.