Se você é da turma que não suporta sentir nenhum tipo de dor, nós temos um desafio: deixar os comprimidos de lado e apostar nos alimentos anti-inflamatórios. Isso mesmo! De acordo com a nutricionista inglesa Shona Wilkinson, responsável pelo site SuperfoodUK.com, alguns ingredientes poderosos podem ajudar o organismo nestas horas difíceis. Você já parou para pensar por que a sua dor acontece? Muitas vezes, o problema pode ser uma inflamação do organismo, que dá para ser controlada com alimentos naturais. Parece impossível? Aqui, nós listamos os melhores aliados da dor:

Foto: Reprodução / ptfamosos
Foto: Reprodução / ptfamosos

1. Frutas e legumes frescos
A ordem é clara: quanto mais colorido, melhor. Além dos benefícios oferecidos à saúde, incluir alimentos frescos no cardápio ajuda a diminuir inflamações no organismo. Isso acontece porque eles atuam na alcalinização do pH sanguíneo (anti-inflamatório) e são ricos em antioxidantes, que neutralizam os radicais livres produzidos no local da inflamação. Prefira frutas como melão, frutas vermelhas (morango, mirtilo) e damasco; legumes como couve, brócolis e espinafre; e os vegetais alaranjados como cenoura e batata-doce.

Leia também:  Tempo demais em frente à TV pode provocar dificuldades para andar
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

2. Alimentos com ômega-3
Estudos comprovam que a substância ajuda a reduzir a inflamação do organismo. Por isso, capriche nas doses de gordura boa e aposte em alimentos como salmão, truta, sardinha, cavala e linguado. Para os vegetarianos, a sugestão é incluir mais chia e linhaça na dieta.

3. Proteína
Essencial para a recuperação e a cicatrização do corpo, a sugestão da nutricionista é se jogar nas opções de proteína vegetal, como feijão, lentilhas, grão-de-bico e soja. O peixe, o frango sem pele e o ovo também são boas fontes de proteína animal.

Foto: Reprodução / Bolsa de Mulher
Foto: Reprodução / Bolsa de Mulher

4. Especiarias
Açafrão, pimenta-caiena e gengibre são famosos por sua ação anti-inflamatória no organismo.

5. Água
Além de transportar os nutrientes, a bebida também é responsável por eliminar as toxinas – resíduos e células mortas, que são produzidos em grande quantidade quando existe inflamação. Não está acostumada a beber muito líquido? Faça as versões aromatizadas ou aposte nos chás.

Leia também:  Fumaça do narguilé prejudica garganta, traqueia e pulmão
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.