Entorpecentes apreendidos - Foto: PJC
Entorpecentes apreendidos – Foto: PJC

Cerca de 60 quilos de maconha foram apreendidos pela Polícia Judiciária Civil em duas ações realizadas durante o final de semana em Sinop (500 km ao Norte). O trabalho conjunto das equipes da Delegacia Regional, Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) e Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoas (DHPP) do município, resultou na prisão de 6 pessoas e apreensão de um menor de idade, por envolvimento com o tráfico de entorpecentes.

Na madrugada de domingo (24.07), 50 quilos de maconha, que eram transportados em um veículo Volkswagem Gol, foram apreendidos em poder dos traficantes Leonardo de Jesus, 18, conhecido como “Leozinho”, Cícero Leandro dos Santos Filho, 33, e Altair Martins Miranda Junior, 23.

Leia também:  Falha em serviço de telefonia afeta número de emergência 192 do SAMU em Rondonópolis
Material apreendido - Foto: PJC
Material apreendido – Foto: PJC

Segundo as investigações, os traficantes foram buscar o entorpecente em Cuiabá para revender em Sinop. Com base na informação, os investigadores monitoram os suspeitos desde a saída de Cuiabá. Em Lucas do Rio Verde, os criminosos desviaram a rota, para não passar pelo posto da Polícia Rodoviária Federal e retornaram a BR 163, após o município de Sorriso.

A abordagem do veículo aconteceu no bairro Alto da Glória, sendo encontrado no porta-malas e no compartimento de estepe, diversos tabletes da droga, totalizando 50 quilos. Leonardo de Jesus completou 18 anos no mês de junho deste ano e já foi apreendido diversas vezes, quando menor de idade, por roubos e tráfico de drogas.

Leia também:  Mulher é presa com droga na vagina ao tentar entrar em presídio

De acordo com o Polícia, o traficante é integrante de uma quadrilha que planejou recentemente diversos ataques contra agentes de segurança, na cidade de Sinop.

Em ação realizada na sexta-feira (22.07) pela equipe da Delegacia Regional de Sinop, três pessoas foram presas e um menor apreendido com 10 quilos de maconha. O cadeirante, Guilherme Luiz Batista, 24, é apontado como dono do entorpecente. Jeferson Simão de Arruda, 25, morador de Cuiabá trouxe a droga da Capital para o traficante.

A droga estava escondida na casa do traficante, no bairro Vitória Régia. No local, ainda foram apreendidos, uma espingarda calibre 28 e uma espingarda de precisão. Além dos dois traficantes, a mãe e o irmão mais novo de Guilherme foram detidos por envolvimento com o comércio ilícito.

Leia também:  Motorista é sequestrado e tem caminhão com carga roubado na BR-364 em Nobres

Segundo o delegado regional, Sérgio Araújo Ribeiro, a droga seria levada para o município de Alta Floresta. “Mesmo com a deficiência física, o dono do entorpecente tem várias passagens pela Polícia de Alta Floresta, pela atuação com o tráfico de drogas”, disse o delegado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.