Adilton Percival e PátioA pesquisa do Instituto Mark revelada hoje (11), que apurou a intenção de votos espontâneos e estimulados de 401 entrevistados em Rondonópolis revela um empate técnico na modalidade espontânea, quando o eleitor fala diretamente em quem pretende votar. O prefeito Percival Muniz registra 8,2% e o deputado Zé do Pátio somam 6,2% e o deputado federal Adilton Sachetti (PSB) 5,7%, os entrevistados foram ouvidos entre os dias primeiro e quatro de julho.

O vice-prefeito Rogério Salles (PSDB) registrou 0,5%. Com 0,2% estão empatados tecnicamente o deputado estadual Sebastião Rezende (PSC), o senador José Medeiros (PSD) e o suplente de deputado federal Jota Barreto (PR).

O empresário Nelson Carvalho, do ramo imobiliário, é citado com 0,2%. Votos brancos e nulos somam 13,4%. Não souberam ou não responderam 64,4%.

Já na modalidade estimulada, quando a equipe de campo da Mark apresenta uma relação dos prováveis candidatos, o resultado apresenta Percival Muniz liderando a preferência em todos os cenários.

Leia também:  Vereador Thiago Silva reivindica a expansão de cursos da Unemat em Rondonópolis

No primeiro cenário, Percival Muniz lidera as pesquisas de intenção de voto com 32,4%, em segundo com 24,9% aparece o deputado estadual José Carlos do Pátio (SD).  Se as eleições fossem hoje e com o cenário apresentado o vereador Ibrahim Zaher (PSD) teria 3,5% e empresário do ramo de transporte de cargas Adelino Bissoni (PSB) não alcançaria 1%. Não souberam ou não responderam 27,4% e votos brancos e nulos somaram 11,2%.

Já no segundo cenário quando há troca de Bissoni pelo vereador tucano, Rodrigo da Zaeli, o resultado apurado é: Percival Muniz com 30,7%, Zé do Pátio com 25,4%, Ibrahim Zaher (PSD) mantém os 3,5% e o vereador Rodrigo da Zaeli (PSDB) registra os mesmos 0,5% de Bissoni no primeiro cenário. Não souberam ou não responderam 26,7%. Votos brancos e nulos somam 13,2%.

Leia também:  Ex-ministro Geddel Vieira Lima é preso após descoberta de malas com R$ 51 milhões

Quando o vice-prefeito, Rogério Salles é apresentado aos entrevistados em um terceiro cenário, Muniz mantém a dianteira só que agora com 27,8% e Pátio 25,8% sobe pouca coisa, chegando a 25,8 percentuais. Neste cenário Ibrahim perde a condição de terceiro colocado e Salles (PSDB) registra 6,3%, com Zaher perdendo 0,2%, caindo para 3,3%. Não souberam ou não responderam 24,8% e votos brancos e nulos somam 12,3%.

Na quarta hipótese, Percival Muniz tem 30%, Zé do Pátio 25,8% e Ibrahim Zaher 3,5%. Não souberam ou não responderam 26,8% e votos brancos e nulos somam 14%.

A partir do quinto cenário a pesquisa estimulada, reduz o número de candidatos para fazer uma leitura polarizada da disputa e o número de indecisos sobe nesta primeira etapa apresentado Percival Muniz com 33% e o seu vice, Rogério Salles (PSDB), com 9,3%. Votos brancos e nulos somam 18%. Não souberam ou não responderam 39,8%.

Leia também:  Por questões éticas advogado se recusa a continuar em defesa de Michel Temer

Em uma eleição polarizada contra o empresário Adelino Bissoni, o prefeito Percival Muniz tem 34,7% e Bissoni (PSB) registra 1%. Votos brancos e nulos somam 20,2%. Não souberam ou não responderam 44,1%.

Contra Zaeli, Percival recebe 35,4% das intenções de votos e o tucano 3,5%. Votos brancos e nulos registraram 19,2%. Não souberam ou não responderam 41,9%.

Na disputa polarizada mais esperada, Percival Muniz aparece com 30,1% e Zé do Pátio 27,1%. Votos brancos e nulos somam 15,8%. Não souberam ou não responderam 27,1%.

E no último levantamento da pesquisa estimulada, Percival Muniz registra 34,9% e Ibrahim Zaher com 5,5%. Votos brancos e nulos somaram 17,3% e não souberam ou não responderam 42,2%.

A pesquisa tem margem de erro de quatro pontos percentuais para mais ou para menos e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o nº MT 06909/2016.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.