Reprodução
Reprodução

Por causa da greve dos trabalhadores da Educação, que durou pouco mais de dois meses, o ano letivo de 2016 deve terminar no dia 31 de janeiro de 2017, conforme portaria publicada no Diário Oficial do Estado que circula nesta terça-feira (9). O ano letivo deste ano começou no dia 15 de fevereiro.

A portaria revogou publicação anterior, do dia 29 de julho, que estabelecia que o ano letivo terminaria no dia 30 de dezembro. O calendário escolar publicado nesta terça vale para os ensinos Fundamental e Médio, e considera que os alunos precisam ter, no mínimo, 200 dias letivos.

De acordo com a portaria da Seduc (Secretaria de Educação), a reposição das aulas entre os dias 8 de agosto e 23 de dezembro deverá incluir sábados, pontos facultativos e feriados municipais.

Leia também:  Rally dos Sertões 2017 passa pela região de Rondonópolis

Entre os dias 26 de dezembro e 9 de janeiro, os estudantes terão férias. As aulas serão retomadas no dia 10 de janeiro e deverão terminar no dia 31 do mesmo mês. E, entre os dias 1º de fevereiro e 02 de março, os alunos terão férias novamente.

Os trabalhadores da Educação de Mato Grosso decidiram suspender a greve da categoria na última sexta-feira (4). As aulas foram retomadas na segunda-feira (8).  Entre as reivindicações dos servidores que foram atendidas pelo governo estão a realização de concurso público e também as alterações no projeto das Parcerias Público-Privadas (PPPs) nas escolas, além do pagamento, até dezembro de 2017, da diferença do piso salarial retroativo às perdas salariais no período.

Leia também:  Concurso da Seduc recebe mais de 250 mil inscrições
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.