Algemado 01Por causa da interdição da carceragem do Palácio da Polícia, em Porto Alegre (RS), após um motim realizado pelos detentos na última segunda-feira (29), os novos presos, a partir de agora, terão de esperar dentro de viaturas por vagas em presídios gaúchos. A afirmação é da presidente da Associação dos Delegados de Polícia do Rio Grande do Sul, Nadine Anflor.

Para amenizar a situação, o Palácio da Polícia transferiu na terça-feira (30), os 14 detentos para a carceragem do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais).

— A situação está insustentável. No fim semana, tivemos duas tentativas de homicídio dentro das celas. Os presos daqui não querem receber mais ninguém e ameaçam de morte os próximos que irão entrar.
Na manhã de segunda-feira, os detentos da carceragem do Palácio da Polícia realizaram uma rebelião e danificaram as grades das duas celas que compõem a prisão. O local teve de ser interditado pelo Departamento de Polícia Metropolitana.

Leia também:  Correios encerram nesta segunda o serviço e-Sedex
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.