Governador Pedro Taques visita as dependencias da Santa Casa - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Governador Pedro Taques visita as dependências da Santa Casa – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

O governador Pedro Taques (PSDB) e sua comitiva inauguraram na manhã desta terça-feira (23), 46 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva infantil no 4° andar da Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis (MT).

Os investimentos foram viabilizados a partir dos recursos bloqueados das contas do governo do Estado, após medida judicial interposta pelo Ministério Público Estadual na ordem de quase R$ 4 milhões. Para reforma do andar e aquisição dos equipamentos foram gastos R$ 3,7 milhões.

Governador Pedro Taques assina o convenio com a Santa Casa - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Os investimentos foram viabilizados a partir dos recursos bloqueados das contas do governo do Estado – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Ao todo, são oito leitos de UTI Pediátrica, sete de UTI neonatal, cinco leitos neonatal de cuidado intermediário Canguru, 10 leitos de cuidado intermediário neonatal convencional e 16 leitos de retaguarda pediátricos que serão somados aos 10 leitos de UTI neonatal já existentes para atender a demanda de 19 municípios localizados na região Sul de Mato Grosso, média de 500 mil habitantes.

Leia também:  Prefeitura realiza mutirão de prevenção ao câncer de pele

Com os investimentos na Santa Casa, o município de Rondonópolis passa a ser o único da região Sul com UTI Pediátrica.

“Mato Grosso em cinco anos instalou 52 UTIs, a nossa administração em 1 ano e sete meses instalou 217. É muita diferença e ainda temos muito a fazer. Essas UTIs não atenderão apenas crianças de Rondonópolis mais de toda a região Sul de MT que somam mais de 500 mil pessoas” ressalta o governador.

No ano passado, 26 crianças necessitaram de um leito de UTI e tiveram de ser transferidas de Rondonópolis para outras cidades por falta de vaga. De janeiro a junho deste ano, 21 crianças foram transferidas. Em alguns casos, os pacientes vieram a óbito por falta do atendimento.

Leia também:  Chuvas atrasam programações de reforma de pastagens em MT
Governador Pedro Taques fala aos presentes na Santa Casa - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Governador Pedro Taques fala aos presentes na Santa Casa – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

“Esse ato salvará vidas, mas não podemos esquecer das vidas que se foram por falta de responsabilidade do governo. Determinei a todos os secretários para que cortem gastos para sobrar dinheiro para investir na saúde. Peço desculpas pela demora. Agora não há dúvida de que o sofrimento será amenizado já que todos os dias enfrentamos essa luta de ir atrás de leitos de UTI” conclui Taques.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.