A disputa pela cadeira de prefeito em Rondonópolis vai deixar frente a frente dois estados, Mato Grosso e Paraná, isso porque, dos quatro candidatos que estão no páreo, dois nasceram no estado do Sul, Rogério Salles (PSDB) e José Carlos do Pátio (SD), sendo o 1º da cidade de Francisco Beltrão e o 2º é de Londrina.

Entre os dois mato-grossenses um é da cidade de Rondonópolis e o outro nasceu em Guiratinga, respectivamente Rubens Cantuário (Psol) e Percival Muniz (PPS).

O candidato mais novo é Rubens que tem 37 anos e Percival Muniz é tecnicamente o mais velho, já que a diferença entre ele e Rogério é de pouco mais de três meses, ambos estão com 60 anos.

Leia também:  Mendes pode ser aposta do Podemos em Mato Grosso

Percival Muniz é agricultor, Rogério Salles é economista, Rubens Cantuário não declarou profissão em seu registro no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), já José Carlos do Pátio, declarou em seu registro ser deputado.

Ainda de acordo com o registro no TRE dois são solteiros, Zé do Pátio e Rubens Cantuário, já Salles e Muniz anotaram em seus registros que são casados, respectivamente com Marilia e Ana Carla. Apesar de constar no registro que seu estado civil é solteiro, Pátio, tem como companheira Neuma de Moares.

Rubens Cantuário, não declarou bens ao fazer o registro, Percival Muniz declarou R$ 9.258.081,69 em bens acumulados, Rogério Salles em sua lista apontou que tem R$ 5.228.664,19 e Zé do Pátio em relação aos que declararam possuir bens é o que tem o menor valor acumulado, são R$ 229.648,19.

Leia também:  Donos de caçamba pedem apoio para vereadores
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.