Foto: Rafaella Zanol - Gcom/MT
Foto: Rafaella Zanol – Gcom/MT

O incêndio florestal que atinge a região do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, a 65 km de Cuiabá, já destruiu 1,2 mil hectares de vegetação da área, segundo informações do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). De acordo com o instituto, o incêndio começou no domingo (31) e ainda é combatido por brigadistas nesta quinta-feira (4). A visitação na Cachoeira Véu de Noiva, que tem 86 metros de altura, teve que ser suspensa. O local é considerado um dos mais belos cartões-postais de Mato Grosso.

Segundo o ICMBio, a visitação na cachoeira foi fechada pois o local abrigará as equipes externas, viaturas, equipamentos e hospedagem de pessoas que trabalham diretamente no combate ao incêndio. Não há previsão de reabertura do ponto turístico.

Leia também:  Embaixador da Alemanha elogia ações de combate ao desmatamento em Mato Grosso

As equipes estão divididas em duas frentes de trabalho, uma combatendo a lateral direita nas proximidades da Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251) e outra combatendo a ‘cabeça’ do incêndio próximo à margem esquerda do Rio Paciência. A visibilidade na rodovia está comprometida por conta da fumaça concentrada na região.

Foto: Luiz Gustavo Gonçalves/ICMBio
Foto: Luiz Gustavo Gonçalves/ICMBio

As chamas também atingiram o Portão do Inferno, um precipício de 75 metros de altura que fica às margens da MT-251. Reforços de equipes da Estação Ecológica de Taiamã, no Pantanal, e do Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense estão previstos para ajudarem no incêndio em Chapada.

Os incêndios florestais no entorno e no interior do Parque Nacional da Chapada dos Guimarães começaram a aparecer em meados de julho, a maioria às margens da MT-251. Na semana passada dois incêndios foram combatidos por brigadistas do ICMBio e bombeiros, sendo controlados no dia 27 de julho. No final de semana dois novos incêndios tiveram início, sendo um prontamente controlado e outro ainda em combate.

Leia também:  Rondonópolis será sede da 11ª edição da Caravana da Transformação

O Parque Nacional da Chapada dos Guimarães é Unidade de Conservação Federal com 33 mil hectares, localizada nos municípios de Cuiabá e Chapada dos Guimarães, MT. Criado em abril de 1989, o parque protege amostras significativas dos ecossistemas locais e assegura a preservação dos recursos naturais e sítios arqueológicos existentes, proporcionando uso adequado para visitação, educação e pesquisa.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.