Corpo foi encontrado em frente a uma porteira
Corpo foi encontrado em frente a uma porteira – Foto: Junio Garcia / AGORA MT

Uma travesti é encontrada morta na MT – 325, no bairro Boa Nova 1, em Alta Floresta. O corpo estava em frente a uma porteira de uma propriedade. Segundo informações ela foi, possivelmente, estrangulada.

Tiffany Rodrigues (Eleandro Rodrigues Alves dos Santos), tinha 24 anos, e já havia sofrido uma tentativa de homicídio meses atrás. O fato ocorreu na madrugada dessa segunda-feira (08).

Um popular que passava pelo local, viu o corpo e informou a Polícia Militar. Os policiais foram até o local, juntamente com a Polícia Civil e confirmaram o ocorrido. Foi acionada a POLITEC, como o perito é de Sinop, os policiais civis ficaram no local até que a Polícia Técnica chegasse.

Local onde o corpo foi deixado
Local onde o corpo foi deixado – Foto: Junio Garcia / AGORA MT

O município de Sinop, fica aproximadamente 300 quilômetros de Alta Floresta, e o deslocamento dura no mínimo três horas. Como em outros casos o longo tempo de espera deixa familiares e amigos das vítimas angustiados e revoltados. O pai da jovem, Leonardo Alves dos Santos, falou sobre a longa espera. “Se até meio dia a POLITEC não chegar eu vou pegar o corpo e levar. Eu vou passar por cima da lei, isso é uma falta de respeito o corpo ficar ai jogado. É meu filho, sangue do meu sangue”, conclui.

Leia também:  Pedra Preta | Motociclista invade boca de fumo, mata mulher e fere casal

Segundo um estudo feito pela ONG Internacional Transgender Europe, o Brasil é o país em que mais se mata travestis e transgêneros no mundo. Entre Janeiro de 2008 e abril de 2013 foram 413 mortes, quatro vezes mais que o segundo colocado México.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.