A espera durou longos nove anos, mas os jogos entre Flamengo e Vasco pela fase de classificação do Campeonato Estadual masculino de Basquete serão realizados com torcida única. O Maracanãzinho, local preferido dos clubes e da Federação de Basquetebol do Estado do Rio de Janeiro (FBERJ) para sediar os clássicos, assim como o Maracanã no Campeonato Brasileiro de futebol, estará sob a responsabilidade do Comitê Rio 2016 até dia 30 de outubro. As datas previstas para essas partidas são dias 3 e 14 do mesmo mês.

A esperança dos clubes e do presidente da FBERJ, Álvaro Lionides, é conseguir pelo menos a liberação do ginásio para as três datas da fase final do Estadual, dias 24, 26 e 28 de outubro.

– Conseguimos a liberação do Gepe (Grupamento Especial de Policiamento em Estádios) para realizar os jogos do turno e do returno no Tijuca, mas com torcida única. O mando da primeira partida, dia 3 de outubro, é do Flamengo, e a da volta, dia 14, do Vasco. Ambas serão às 20h. O que nós estamos pleiteando junto à Secretaria Estadual de Esportes e à Prefeitura agora é a liberação do ginásio para a fase final do Estadual. Mas primeiro eles têm que receber o equipamento do Rio 2016 para depois negociar com os clubes e a Federação. Sabemos que não é uma tarefa fácil, mas estamos esperançosos em conseguir.

Leia também:  Brasil joga primeira partida do Grand Prix em Cuiabá

Depois de tanto tempo vamos voltar a ter clássicos desse porte no basquete do Rio e o ideal é que possamos ter as duas torcidas no ginásio. É bom para todo mundo – explicou Álvaro Lionides, lembrando ainda que uma possível liberação das outras arenas usadas na Olimpíada e na Paralimpíada seria ainda mais complicada.

– Até porque eles precisam fazer um plano de gestão antes de devolver à Prefeitura para saber o que será feito com esses equipamentos. O de Deodoro passa pelo mesmo problema.

Outra decisão tomada essa semana pela Federação do Rio de Janeiro foi o adiamento da abertura do Estadual, entre Botafogo e Vasco, de domingo (18) para segunda-feira (19), às 20h, em General Severiano, em razão do encerramento da Paralimpíada. A boa notícia nesse caso é que o primeiro clássico do Estadual terá a presença das duas torcidas.

Leia também:  União precisa vencer para ficar com título do sub-19

– Já era uma situação prevista em virtude do encerramento da Paralimpíada e decidimos tomar essa medida na segunda-feira, após uma reunião com o Gepe. Teoricamente, o último dia não tem muita coisa, mas sempre existe um desconforto. Para não corrermos nenhum tipo de risco, preferimos transferir a partida para segunda, às 20, com as duas torcidas – afirmou o presidente da entidade do basquete carioca.

REGULAMENTO

A competição será realizada em três fases. Na fase de classificação, os quatro clubes jogarão entre si em turno e returno. Nas semifinais, o dono da melhor campanha enfrentará o quarto colocado, enquanto e o segundo e o terceiro lutarão pela outra vaga na decisão, que será disputada em uma melhor de três partidas.
TABELA
Primeiro Turno
19/9 – Botafogo x Vasco (General Severiano)
22/9 – Flamengo x Macaé (Gávea)
26/9 – Macaé x Botafogo (Macaé)
30/9 – Vasco x Macaé (São Januário)
30/9 – Botafogo x Flamengo (Tijuca)
3/10 – Flamengo x Vasco (Tijuca)

Leia também:  2ª Noitada de Boxe Olímpico acontece em Rondonópolis

Segundo Turno
6/10 – Macaé x Flamengo (Macaé)
7/10 – Vasco x Botafogo (a definir)
12/10 – Flamengo x Botafogo (Tijuca)
12/10 – Macaé x Vasco (Macaé)
15/10 – Botafogo x Macaé (General Severiano)
15/10 – Vasco x Flamengo (Tijuca)

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.