Reprodução/Daily Telegraph
Reprodução/Daily Telegraph

Ao se deparar com seu irmão humano Alexandre Kenney de dois anos, sem consciência em uma barragem próxima de casa, a cadela Leala, uma Pit Bull de nove meses, incorporou a salva-vidas que tem dentro dela.

Reprodução/Daily Telegraph
Reprodução/Daily Telegraph

A cachorra pulou na água afim de salvar o menino sozinha, mas não teve sucesso, então, correu com tudo para casa com a intensão de avisar a família.

David, o pai da criança, logo estranhou pois a cadela não gosta de banho e ela estava encharcada, latindo sem parar.

A esperta cadela os guiou ao lugar aonde o menino se encontrava e os pais avistaram seu filho com o rosto virado para a barragem, inconsciente.

Tentaram reanimar o pequeno, mas após 27 minutos sem sucesso, o levaram de helicóptero para o Hospital Lady Cilento, em Brisbane, Austrália. Os médicos tiveram que o colocar em coma induzido e esclareceram para os pais do menino que caso acordasse, era muito possível ter danos cerebrais.

Leia também:  Terremoto dura 20 segundos e causa vários estragos na Indonésia

Felizmente, depois de 48 horas do incidente todos tiveram uma ótima surpresa: a criança estava sã e sem nenhuma sequela.

Reprodução/Daily Telegraph
Reprodução/Daily Telegraph 

Alexander agora está em seu lar e a valente Leala não para de receber mimos como refeições de carne por gratidão à sua prontidão corajosa.

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.