As indústrias frigoríficas instaladas em Mato Grosso alcançaram um recorde nas exportações durante os primeiros oito meses do ano. De acordo com o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), foram enviadas para o exterior 142,2 mil toneladas de carne bovina até agosto, gerando um total de US$ 579,33 milhões em negociações.

Ainda conforme o Imea, o montante arrecadado em dólares é o menor nos últimos três anos. No entanto, quando se converte esta quantia para reais, “vislumbra-se a maior arrecadação da história, com um total de R$ 2,07 bilhões provenientes da exportação de carne”, explica os economistas.

Apesar de destacar os bons números, os especialistas destacam que “o alerta deve permanecer ligado, visto que várias destas empresas têm despesas em dólar, e a arrecadação de dólares delas tem caído”.

Leia também:  Escolas de Rondonópolis recebem melhorias em climatização

De acordo com o instituto, 20% da carne produzida no Estado tem como destino outros países.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.