O presidente Michel Temer afirmou neste domingo (4) que, na opinião dele, o papa Francisco demonstrou a “preocupação” que todos tem com o Brasil ao pedir proteção ao país e ao povo brasileiro em um evento no Vaticano. O peemedebista também disse acreditar que o pontífice tenha pedido a “pacificação” do Brasil.

Foto: Divulgação/A12
Foto: Divulgação/A12

Temer fez o comentário as ser indagado, durante uma entrevista concedida na China, sobre a declaração feita no sábado (3) pelo papa na qual Francisco definiu o atual momento do país como “triste”. O pontífice falou sobre o Brasil ao inaugurar um monumento dedicado à Nossa Senhora Aparecida no Jardim do Vaticano – sede da Igreja Católica.
“Acho que a alegria se formará pouco a pouco. […] Eu tenho pregado: ‘vamos pacificar o país’. Eu acho que é isso que o papa está pedindo”, disse Temer, referindo-se ao comentário do pontífice.

Leia também:  Aviões elétricos devem estar disponíveis no mercado até 2022

O peemedebista também foi questionado sobre o fato de o papa ter dito, em meio ao evento de lançamento do monumento no Vaticano, que é incerta sua visita ao Brasil em 2017.

Ao discursar na inauguração da escultura, Francisco disse que estava contente de ter a imagem de Nossa Senhora Aparecida no Vaticano porque, em 2013, em sua única visita ao Brasil, havia prometido que retornaria ao país durante a Jornada Mundial da Juventude, mas, agora, não sabe se será possível.

“Ele [papa Francisco] não tinha plano. Ele disse: ‘eu tenho tanto desejo de voltar ao Brasil que, de repente, eu volte ao Brasil’, minimizou o presidente.
Diante da insistência dos repórteres em relação a uma eventual ligação da desistência de o papa vir ao Brasil à troca de governo no país, Temer ironizou. “Acho que é melhor perguntar ao papa. Se eu for a Roma, eu o procuro.”

Leia também:  Militares brasileiros são alvos de ataques em 3 dias seguidos no Taiti

Se depender de convite, eu faço o convite”, enfatizou.

michel temer

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.