Imagem: Juscimeira 29 capa
Materiais apreendidos – Foto: PJC

Policiais civis das delegacias da Polícia Judiciária Civil de Juscimeira e Jaciara cumpriram mandados de prisão, e busca e apreensão, na residência de um advogado, denunciado por estupro contra a filha de 16 anos.

A ação policial aconteceu neste sábado (29), na cidade de Juscimeira, e contou com acompanhamento nas buscas, e na lavratura do flagrante, de um representante da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção Jaciara.

Na casa do suspeito, Jose Humberto Damasceno, 67 anos, foram apreendidos uma pistola calibre .380 com 40 munições intactas e 02 carregadores, além de 06 munições calibre .36 intactas e um cartucho deflagrado, 15 munições de calibre .12 intactas e uma munição de calibre .45. Diante do material encontrado, o investigado foi autuado em flagrante por posse irregular de arma de fogo e munições de uso restrito.

Leia também:  Jaleco Preto | Delegados mostram detalhes dos golpes do falso médico

A adolescente relatou o abuso diretamente ao Ministério Público da cidade de Jaciara que representou pela prisão preventiva e busca e apreensão na residência (onde também funciona o escritório) do advogado na cidade de Juscimeira, sendo deferida pelo Judiciário, e devidamente cumprida pela Polícia Civil.

O suspeito será encaminhado para unidade prisional na cidade de Rondonópolis (Mata Grande), onde ficará à disposição da Justiça.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.