Uma empresa de distribuição de carne foi interditada pela Polícia Militar de Proteção Ambiental  por suspeita de abater gado de forma clandestina. A empresa fica localizada no Anel Viário, Parque das Laranjeiras, em Rondonópolis (MT) e a ação ocorreu nesta quinta-feira (20).

A Polícia recebeu a informação de que o proprietário do depósito de carnes estava matando gado clandestino e entregando nos açougues da cidade. O denunciante ainda relatou que o empresário matou um boi furtado de sua propriedade, onde ele encontrou carne, cabeça e o couro em seu estabelecimento.

A PM realizou vistoria no depósito e constatou que o local não possui estrutura para matar gado, onde todos os dejetos como sangue e outros são canalizados e lançados a céu aberto no meio da pastagem.

Leia também:  Poconé | Suspeito é preso e menores conduzidos durante festa 'regada' a bebida alcoólica

Durante a abordagem policial o proprietário do depósito não estava no local.

Na empresa,  a PM ainda encontrou quatro cabeças de gado e uma câmara fria com vários quartos de gado. Uma sala cheia de couro salgado e vários couros amontoados foram encontrados no depósito.

Diante dos fatos o funcionário da empresa que se encontrava no local foi detido e encaminhado até a 1ª Delegacia de Polícia (1ª DP) para as providências cabíveis.

As informações constam em registro no Boletim de Ocorrência (BO).

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.