Divulgação
Divulgação

Ontem (6) foi dia de goleada da Seleção Brasileira em cima da Bolívia, e de choro do Galvão.

Não, Galvão não chorou de emoção com os gols do Brasil.

O narrador está completando 35 anos de Globo e ganhou no intervalo da partida uma homenagem dos colegas Arnaldo César Coelho, Junior e Casagrande.

Galvão chegou a chorar ao ser homenageado e se disse muito surpreso com o mimo da equipe, pois pensava que ninguém iria notar essa data.

O narrador ainda se lembrou de colegas que o ajudaram na profissão, como Luciano do Valle, que morreu em 2014.

Goste ou não do Galvão, ele já tem o nome marcado na história esportiva do Brasil. Se tornou uma grife, uma marca.

Leia também:  Jennifer Lopez doa US$ 1 milhão para ajudar pessoas afetadas pelo furacão Maria em Porto Rico

Merece sim ser homenageado por estar há tantos anos nessa jornada.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.