Foto: Munir Chatack/ Record
Foto: Munir Chatack/ Record

Sama diz que vai se esforçar para fazer Boã feliz. Samara inventa que ganhou uma pedrinha de seu pai e gostaria de entregar a Josué para encorajá-lo. O líder hebreu diz que a vilã não tem mais idade para isso e recusa o falso presente. Samara deixa a tenda bufando de raiva.

Aruna conversa com Ioná e diz ter um segredo que não pode revelar. Tibar não tem coragem de assassinar Raabe e diz ter um plano para salvar a moça. Léia aconselha Samara a arranjar uma forma de ajudar os hebreus na guerra para chamar a atenção de Josué.

Aruna se recorda de Elieber. Acã e os filhos fazem planos ambiciosos após a conquista de Jericó. Tibar chega à estalagem e convida Liora para jantar. O comandante a leva para o quarto e finge interesse na prostituta. Tibar enfia um punhal em Liora e a executa. Calebe conversa com os familiares sobre a guerra que se aproxima. Léia e Quemuel sonham em reencontrar Tobias. Na masmorra, o Monstro Hebreu diz não ter esperança na chegada de seu povo.

Orias e Milah impedem que Nobá saia de casa. Tibar leva o coração de Liora para Kalesi e diz que o órgão pertence à Raabe. A rainha fica satisfeita e diz que poupará a vida de Sandor, mas avisa que o rapaz ficará preso na masmorra. Lila cuida de Salmon e Jéssica chega. Kadmo pede perdão a Tibar. Gael se preocupa com a proximidade da guerra e Tirda o ampara. Farduk se assusta ao encontrar Liora morta. Jéssica se desculpa com Salmon. Kalesi vai até a masmorra e entrega o suposto coração de Raabe a Sandor. O rapaz se desespera ao saber da morte de sua amada.

Leia também:  Resumo de novelas desta segunda-feira (10)

Os hebreus se preparam para invasão à Jericó. Elói ajuda Josué a vestir a armadura. Eleazar e Finéias começam a carregar a Arca da Aliança. Aruna procura Josué, mas o guerreiro avisa que não é hora para este tipo de conversa. Raabe se desespera ao ouvir Tibar dizendo que matou Liora em seu lugar. Josué se lembra da conversa com Deus. Acã diz duvidar da capacidade e honestidade de Josué. O líder discursa para incentivar seu povo, que clama o nome de Deus. O imenso exército de Israel deixa o acampamento em direção à Jericó.

*Sujeito à alteração de acordo com a edição dos capítulos

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.