Foto: Munir Chatack/ Record
Foto: Munir Chatack/ Record

No episódio de A Terra Prometida desta segunda-feira (17), você vai ver um dos momentos mais esperados da trama: a queda das muralhas de Jericó, o que representa mais um passo em direção à conquista da terra prometida por Deus. Nessa história, existe um objeto que tem um significado especial: o shofar.

O instrumento, criado há mais de 4 mil anos, é considerado sagrado para os judeus.

A trama vai recriar o momento em que um grupo de hebreus usa o shofar para derrubar as muralhas da cidade de Jericó. No sétimo dia, após marcharem sete vezes ao redor da cidade, os sacerdotes tocarão o instrumento. Após o som, o povo dará um forte grito e os muros da cidade virão ao chão.

Leia também:  Rico e Lázaro | Nebuzaradã descobre traição de Sammu-Ramat

O momento será retratado exatamente como conta a Bíblia.

Em entrevista ao Jornal da Record, o autor da novela, Renato Modesto, falou da importância do acontecimento.

— É um momento muito importante pois Jericó é a primeira cidade que Josué consegue invadir e dominar dentro de Canaã, que é a Terra Prometida. Essa conquista garante toda continuidade da conquista de Israel sobre Canaã.

Além de tudo, a conquista do povo passa uma mensagem de esperança.

— É uma passagem que nos traz a mensagem de que vale a pena ser perseverante, ter uma fé forte e profunda em busca dos nossos objetivos. É isso que Josué fez, o milagre aconteceu e ele realmente conquistou a Terra Prometida.

Leia também:  Resumo de novelas desta sexta-feira (20)
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.