Felipe Marques de Almeida, conhecido como ‘Perninha’ foi condenado a 16 anos e seis meses de prisão nesta sexta-feira (04) no Tribunal do Júri de Rondonópolis. Ele, juntamente com um menor, assassinaram o 3º sargento Aelson Alves de Souza, da PM, quando ele voltava do serviço no Batalhão em dezembro de 2014.

Ele foi condenado por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e que dificultou a defesa da vítima, e ainda, por porte ilegal de arma de fogo.

Quando foram presos após o crime eles afirmaram que teriam matado o policial para conseguir status no mundo do crime e que a escolha da vítima não foi pessoal.

O sargento foi morto com três tiros, que acertaram a cabeça e o pescoço. O crime foi solucionado em fevereiro de 2015 e três jovens foram apontados como envolvidos no crime.

Leia também:  PRF apreende mais de 8Kg de maconha com passageiro em ônibus na BR-364

Relembre o caso, clique aqui.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.