Imagem: barão vermelho
Foto: Divulagação

Embora tenha sido fundada em outubro de 1981 pelo baterista Guto Goffi e o tecladista Maurício Barros, a banda carioca Barão Vermelho somente entrou em cena para valer a partir de 1982, com Cazuza (1958 – 1990) no posto de vocalista oferecido primeiramente a Leo Jaime.

Documentário feito sob a direção de Mini Kerti, A noite não acabou estreia em janeiro de 2017 nos cinemas, contando a história deste grupo de rock cuja obra inicial está calcada na parceria fundamental de Cazuza com o guitarrista Roberto Frejat, músico da formação original do Barão Vermelho, integrada também pelo baixista Dé Palmeira.

A banda completaria 35 anos de vida em 2017 se não tivesse sido desativada em 2013, após idas e vindas. O filme A noite não acabou foi batizado com nome de música composta pelo percussionista Paulo Humberto Pizziali (1950 – 2016) – o Peninha, morto em setembro – e gravada pelo Barão Vermelho no álbum Supermercados da vida (1992), lançado há 24 anos.

Leia também:  Jennifer Lopez e cantor country cancelam shows após massacre em Las Vegas

(Crédito da imagem: reprodução parcial da capa do primeiro álbum do Barão Vermelho)

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.