Imagem: o detido é um cidadão nativo alemão de 51 anos, que confessou suas intenções.
Fabrizio Bensch/Reuters

Um funcionário do Serviço de Inteligência da Alemanha foi detido nesta terça-feira, suspeito de preparar um atentado islamita contra a sede da agência em Colônia. Segundo a revista Der Spiegel e o jornal Die Welt, o detido é um cidadão nativo alemão de 51 anos, que confessou suas intenções.

O funcionário usava seu acesso ao sistema do Gabinete de Defesa da Constituição, a cargo da Inteligência doméstica, para reunir informações sigilosas e planejar um atentado com explosivos contra a sede. Além disso, o homem é acusado de divulgar as informações na internet usando um pseudônimo. “Ele é acusado de ter espalhado, com um nome falso, ideias islamitas na internet e de ter oferecido informações internas na internet”, confirmou uma porta-voz do Gabinete.

Leia também:  Fundador da revista Playboy morre aos 95 anos nos EUA
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.