Mesmo com a desocupação do prédio do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) na manhã desta quinta-feira (03) pelos alunos que estavam acampados no local, o INEP afirmou a direção do Instituto que as provas que seriam realizadas no local serão adiadas.

A informação foi solicitada via e-mail nesta quinta pela direção do IFMT que almejada a reconsideração do adiamento.

O Inep respondeu que não há como mudar a decisão devido ao plano logístico de distribuição da prova “Infelizmente, não é possível rever o cancelamento da aplicação no referido colégio. O adiamento das provas foi necessário para garantir a segurança do Exame, que exige um plano logístico complexo de distribuição do material de aplicação, com rotas pré-definidas, escoltas policiais e efetivo policial destacado para a operação. Todas as providências para o efetivo cancelamento da prova nos locais ocupados já foram adotadas, inclusive com envio de mensagens (e-mail e sms) aos alunos atingidos, bem como as providências de impressão de novas provas e o planejamento logístico para a nova prova já está em curso”.

Leia também:  Aniversário de Rondonópolis terá Mostra de Dança no Casario

Mais de 191 mil alunos de todo o Brasil terão suas provas adiadas para os dias 3 e 4 de dezembro por conta das ocupações.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.