Imagem: CB Said Francisco ConamO cabo da Polícia Militar, Said Francisco Canam, 33 anos, que estava internado na Santa Casa há quatro dias morreu na madrugada desta terça-feira (29). Said havia sido baleado na sexta-feira (25) após tentar impedir um roubo que ocorria em uma lanchonete, localizada no Jardim Guanabara, em Rondonópolis, onde o policial lanchava com a mulher.

Said foi ajudar a vítima que estava sendo alvo dos bandidos, houve troca de tiros e ele acabou sendo baleado no pescoço (leia aqui). Os suspeitos também saíram baleados, mas sem gravidade. No dia do crime, o policial estava de folga.

Confira a nota na íntegra emitida pela Polícia Militar sobre o caso:

NOTA DE FALECIMENTO

A PM-MT lamenta profundamente a morte do Cb Said Francisco Canam e está enlutada com sua família, compartilhando o mesmo sentimento de perda.

Na noite de sexta-feira (25) o Cb Said estava em um estabelecimento comercial com sua família, quando ocorreu uma tentativa de latrocínio contra uma vítima que estava no local. O militar interveio em legítima defesa de terceiros, houve troca de tiros, e ele foi alvejado. O policial recebeu todo o suporte médico e ambulatorial disponível, no entanto ele não resistiu e faleceu na manhã de terça-feira (29).

O Cb Said agiu como um grande herói, pois entregou a própria vida em defesa de vidas desconhecidas.

O velório irá ocorrer a partir das 14h00 no Cemitério da Vila Aurora, e o sepultamento irá ocorrer em Rosário Oeste – MT. O Cb Said tinha 33 anos, estava há 14 anos na Polícia Militar, e deixa uma esposa.

Advertisements
Leia também:  Dupla aborda vítima e rouba moto no Jardim Eldorado

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.