Imagem: Prato Pop
Foto: Jana Pessôa/Setas MT

Os cidadãos em situação de vulnerabilidade social que conferiram a retomada das atividades do restaurante Prato Popular nesta segunda-feira (26.12), receberam uma surpresa positiva na hora de pagar a conta. É que o valor da refeição, que antes custava R$ 2,00 baixou para R$ 1.65, contribuindo para que a população consiga economizar ainda mais na hora de se alimentar.

A unidade, vinculada à Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas), trabalha para garantir a segurança alimentar dos cuiabanos. E para que isso fosse assegurado, o Governo do Estado realizou reparos na unidade, como a pintura interna, manutenção dos banheiros, além da troca da empresa prestadora de serviço, o que demandou a interrupção temporária das atividades.

A partir de agora, a T.N. Machado é a empresa responsável pelos serviços do Prato Popular. O processo de seleção, ao modelo pregão eletrônico, foi realizado após o vencimento do contrato com a antiga prestadora, que atuava no local há cinco anos. Com a nova licitação, a Setas pôde atualizar o parâmetro de divisão de custeio, o que possibilitou a redução do preço da refeição.

Leia também:  Em três anos, o número de apreensões de drogas em MT cresceu 258%
Imagem: 15698134 1185356441518796 5175252957231704456 n
Foto: Jana Pessôa/Setas MT

Isso porque, a manutenção do Prato Popular é realizada aos moldes de “contrapartida”, ou seja, 75% dos custos são bancados pelo Governo do Estado e os outros 25%, são arcados pelos próprios usuários, através do pagamento do ticket de alimentação. Como o valor “cheio” da refeição custa R$ 6.5, conforme a licitação, R$ 4,85 são pagos pelo Executivo e o restante cobrado.

O titular da Setas, Valdiney de Arruda, afirma que os novos parâmetros de cobrança fizeram parte de um esforço por parte do Governo do Estado para auxiliar os vulneráveis. “As pessoas que necessitam do restaurante, são as que mais sentem a crise econômica. Então, quando fomos realizar o processo licitatório, pensamos numa maneira de auxiliá-los”, afirmou.

Leia também:  Ministério Público de Mato Grosso é o mais premiado do país

A T.N. Machado irá exercer o contrato por 12 meses, sendo que esse prazo pode ser renovado por até sessenta meses. Do local, somente nestes últimos dois anos, já se beneficiaram mais de 214 mil pessoas, que contam com as refeições do Prato Popular para usufruir de uma alimentação saudável, que é acompanhada por nutricionistas.

O atendimento ao público é realizado de segunda a sexta, das 11h às 13h. O restaurante Prato Popular fica localizado na Rua Baltazar Navarros, mº 567. Bairro Bandeirantes, região central de Cuiabá.

Balanço

Somente em 2016, foram 104 mil refeições servidas. O mês de agosto teve o maior número de pessoas atendidas, com um total de 13.223. Já em 2015, foram 110 mil pessoas beneficiadas com o Prato Popular. Diariamente, são servidas em média 500 refeições. O preço de cada prato é de R$ 2,00.

Leia também:  Febre Chikungunya aumenta 116% neste ano em Mato Grosso

A elaboração das refeições tem acompanhamento de nutricionista, para garantir alimentação balanceada ao público. São nove funcionários que trabalham na unidade, que conta ainda com o auxílio de um voluntário para a realização diária do trabalho.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.