Imagem: exercito
Foto: reprodução / Rede Record

O exército hebreu caminha para a guerra contra o reino de Ai. Alguns sacerdotes carregam a Arca da Aliança. Salmon, Zaqueu e Quenaz seguem logo atrás, conduzindo o exército. Darda sai correndo para avisar a Josué sobre o sumiço de Otniel. As mulheres hebreias oram para seus filhos e maridos.

Otniel segue com o exército, infiltrado entre os guerreiros. Aruna diz que Josué está confiante na vitória do povo de Israel. O líder e os chefes tribais fazem planos após a vitória contra Ai. Eleazar alerta Josué e avisa que não podem tomar decisões sem consultar o Senhor.

Elias presencia Jéssica falando mal de Salmon para Mara e questiona a filha. Eliazafe se abre com Setur e diz já não ter mais as habilidades de um jovem guerreiro. Jéssica encara Elias e mantém a postura contra Salmon e Raabe. Tirda diz ter orgulho de Haniel.

Leia também:  Rico e Lázaro | Shamiran passa mal enquanto Sammu-Ramat faz um ritual contra ela

Durgal se desespera ao ser avisado sobre a aproximação do exército de Israel. Melquias e Gibar reclamam das dores e coceiras. Eles fazem planos para roubar as riquezas de Ai. Maquir tenta se aproximar de Livana, mas ela diz sentir nojo dele. Boã diz estar preocupado com a demora de Ruth em engravidar.

Desesperado, Durgal questiona os feitiços de Ravena e diz que nada funciona em seu reino. O exército hebreu segue na direção de Ai. Otniel caminha escondido entre os guerreiros. Os moradores de Ai ficam assustados com a aproximação do povo inimigo. Tiléia, Orias e os Lagartos saem em busca de um esconderijo.

Antes de deixar a hospedaria, Zaíra vai até o quarto para buscar Kira. Elói diz não aguentar mais viver sob o mesmo teto de Mara. Kalu consegue libertar Kira das garras de Zaíra. Aprisionado, Talmal conversa com as crianças do acampamento. Darda aconselha Ruth a se acalmar e aguardar a hora certa para engravidar.

Tiléia nota que Orias sumiu. Rune e Livana fazem planos para o futuro. O exército hebreu avança em direção à entrada da cidade. Amedrontados, os moradores correm tentando se esconder. Os guerreiros de Israel arrombam os portões de Ai. Yussuf grita tentando incentivar os soldados.

Melina conversa com Najara e diz que o momento é propício para uma fuga. Com medo, Durgal lamenta a chegada do povo inimigo. Kalu aconselha Tiléia a pedir proteção ao Senhor dos hebreus. Salmon e Quenaz lutam com soldados cananeus e alguns moradores.

Leia também:  Rico e Lázaro | Nabucodonosor pede para Daniel interpretar seu sonho

Kamir chega e começa a lutar com Salmon. Yussuf consegue matar um guerreiro hebreu. Salmon estranha a dificuldade em vencer os homens de Ai. Chaia pede para Deus proteger seu marido. Kamir ordena que os oficiais continuem lutando contra os hebreus.

Tobias tem dificuldade em vencer um soldado inimigo. Yussuf luta com Zaqueu. O arqueiro se assusta ao ver que suas armas não estão suportando o combate. Tobias observa e sorri vitorioso. Yussuf, com um único golpe, consegue quebrar a espada de Zaqueu. O general então enterra a espada no peito do arqueiro. Tobias fica satisfeito.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.