Imagem: Adonias site
Vereador Adonias Fernandes – Foto: assessoria Câmara Municipal

O vereador Adonias Fernandes fechou o ano com vários trabalhos concluídos e com a sensação de dever cumprido. Em 2016, o parlamentar apresentou 16 Projetos de Leis, sendo que a maioria já foram aprovados, 38 indicações, 8 decretos legislativo e 17 moções de aplausos, além de ter atuado como presidente da Comissão de Finanças e Orçamento na Câmara Municipal.

Todo o orçamento da cidade passa pelas mãos do presidente dessa Comissão que tem que fazer o acompanhamento e a fiscalização orçamentária, emitindo parecer sobre a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Proposta Orçamentária Anual.

Já entre os projetos apresentados por Adonias existe um bem interessante que dispõe sobre implantar a política de incentivo para a adoção de animais que estejam em situação de abandono. O nome é “IPTU SOLIDÁRIO”, porque a pessoa que se interessar em adotar um animal abandonado teria um pequeno desconto no IPTU.

Leia também:  Rodrigo da Zaeli recebe pedido de lideranças comunitárias da região Salmen

“Com uma simples atitude, um pequeno desconto no IPTU, o Poder Executivo poderá estar solucionando esse problema, onde cada cidadão que se interesse em adotar um animal em situação de abandono de forma responsável garantiria o desconto. É uma saída justa, oportunizar um benefício fiscal, já que esta pessoa irá contribuir para a melhoria de Rondonópolis”, justificou o vereador.

Outro projeto que também está entre os apresentados pelo vereador é o que diz sobre a obrigatoriedade do uso de lâmpadas do tipo LED. A ideia proposta é que quando for necessária à substituição das lâmpadas da iluminação da Administração e das vias e praças públicas, bem como na implantação de novos loteamentos e condomínios, no âmbito do Município de Rondonópolis, já seja utilizada a de LED.

Leia também:  Governador autoriza construção de 4 pontes na obra do Canivete

Adonias explica que a substituição das lâmpadas tradicionais pôr do tipo LED é uma forte tendência, principalmente em relação às vantagens na economia e durabilidade. “A administração pública deve estar na vanguarda em relação a utilização de tecnologias que tragam benefícios à sociedade. Considerando a crise energética que o país vem enfrentando, o objetivo deste projeto é minimizar os custos com a energia elétrica, proporcionando melhor utilização desse recurso”, alegou.

A implantação da Escola Militar também é uma luta de Adonias e ele continuará articulando para que o projeto se concretize. Inclusive já houve uma sinalização por parte do Governo Estadual para que em 2017 a escola se torne realidade na cidade.

Leia também:  Comissão inicia debates sobre PEC do Teto dos Gastos

Para o vereador o ano foi bem produtivo e que com a sua reeleição o foco para 2017 é se manter bem atuante. “Vou continuar a fiscalizar e legislar nesta Casa, em nome do povo. Não importa o bairro, nem o setor, eu sempre vou estar lutando pela nossa Cidade”, finaliza.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.