Imagem: Chapecoense
A comissária de voo, vítima do acidente com avião da Chape está sendo cobrada por despesas médicas – Foto: Reprodução

A comissária de voo boliviana Ximena Suárez Otterburg, uma das únicas cinco sobreviventes do acidente com o avião da Chapecoense, afirmou que não tem condições de pagar as contas do hospital. A vítima disse que está sendo cobrada pelas despesas médicas do local onde ficou internada, a Clínica Somer, na região de Antioquia, na Colômbia.

Ximena acusou a seguradora contratada pela empresa LaMia (Bisa) pela falta de comprometimento com os clientes. Ela alegou que a conta do hospital ficou em cerca de 13 mil dólares (cerca de R$ 41 mil). “Fico triste em saber que o pessoal do meu país não me ajuda. Me sugeriram colocar uma pressão para ver quais novidades tem porque, até agora, não houve resposta”, declarou em entrevista à TV boliviana Unitel.

Leia também:  Casal é encontrado morto dentro de residência em Mato Grosso do Sul

O advogado que representa a comissária de voo, Carlos Subirana, já afirmou que a alternativa será acionar a justiça. “O voo tinha um seguro da empresa Bisa no valor de 25 milhões de dólares (cerca de R$ 78 milhões), mas nem sequer pagaram a conta do hospital de Medellín. Neste momento, Ximena está devendo 13 mil dólares. Não querem nem entregar a fotocopia do seguro, se recusam a entregá-la”, disse.

A cliente de Subirana reforçou que está sendo cobrada pela clínica colombiana. “Em nenhum momento ninguém desta empresa se aproximou para fornecer auxílio. Estou em contato direto com o pessoal da clínica, que sempre me questiona sobre o pagamento”, afirmou Ximena. “

Leia também:  Sanfoneiro de dupla sertaneja é morto a facadas após tentar separar briga de casal

Estamos apresentando à procuradoria uma denúncia contra os executivos da companhia Bisa para que o Ministério Público exija sua apreensão. Para que eles cumpram com as responsabilidades não só com ela (Ximena), mas também com as outras vítimas deste acidente”, completou o advogado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.