O governador da Califórnia, Jerry Brown, declarou estado de emergência em meia centena de condados para ajudar a enfrentar os danos causados pelas fortes tempestades de dezembro e deste mês.

Imagem: tempestade na califórnia
Reprodução

O estado, que era atingido por uma prolongada seca, teve fortes chuvas e ventos no início de dezembro, assim como fortes tempestades que começaram no início de janeiro e continuaram no último fim de semana.

“As condições de extremo risco à segurança das pessoas e das propriedades existem devido aos danos das tempestades”, disse Brown ao assinar a declaração do estado de emergência.
Brown ordenou que a agência estatal responsável pelas estradas, pontes e transporte ferroviário “peça formalmente assistência imediata através do Programa de Ajuda de Emergência da Administração Federal de Estradas”.

Leia também:  Sobe para 14 o número de mortes confirmadas pela passagem do Furacão Irma

Além disso, ordenou que o Escritório de Serviços de Emergência da Califórnia “forneça assistência aos governos locais”.
As tempestades “provocaram perigosas inundações repentinas, erosão e fluxos substanciais de lama e escombros”.

Embora as autoridades ainda estejam avaliando os danos provocados pelas tempestades, as estimativas preliminares são de “dezenas de milhões de dólares”.
O estado de emergência engloba 50 dos 58 condados da Califórnia.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.