Imagem: Rota Oeste
Foto: Divulgação

A Concessionária  responsável pela BR-163 e 364 registrou este ano 120 mil atendimentos aos usuários da rodovia. Destes, mais de 35 % são relacionados a problemas mecânicos.

Por isso nesta época de férias é importante a revisão antes das viagens. As panes por falta de combustível, problemas mecânicos, elétricos, superaquecimento do motor e pneus furados somaram 42 mil casos, 10% a mais que em 2015, que somaram 38 mil socorros.

 

Segundo o Mecânico Alisson Renan Ferreira, 28 anos, os maiores problemas ocasionados nos automóveis são dados pela falta de manutenção periódica e preventiva dos condutores dos veículos. “À revisão anterior a viagens, é fundamental para fazer um percurso mais seguro, as pessoas preferem fazer uma manutenção corrida, aquela que concerta na hora que estraga e paga muito mais caro”. Explica

Leia também:  “É necessário ser pai do seu filho antes que o traficante o adote”, diz participante do Proerd

O gerente da concessionária Milléo reforça que a manutenção prévia do veículo impede o atraso na viagem. “O automóvel parado na rodovia pode causar um acidente. Assim, o resgate e o auxílio da concessionária representam segurança real para quem está na rodovia. O atendimento é feito da forma mais rápida possível, diminuindo o tempo de exposição dos usuários”. Discorreu.

O Mecânico relatou que os problemas mais correntistas levados na sua oficina são, na parte elétrica e motor danificado por conta de combustível. “Se a pessoa prefere abastecer com gasolina mais barata corre um grande risco de pegar um combustível adulterado e sem falar que se você parar na BR por falta de combustível você toma multa e perde ponto na carteira”.

Leia também:  Pontes e Lacerda | Construção Civil é o setor que mais gera empregos em junho

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.