Ao longo de 2016, o Governo de Mato Grosso abriu 223 frentes de trabalho em rodovias estaduais. Sob a coordenação da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), foram realizadas diversas ações, entre elas a construção de novas estradas, o avanço com duplicações na Baixada Cuiabana, a concretização de parcerias com os municípios e a reconstrução de estradas que antes estavam repletas de buracos.

Os dados da Sinfra revelam que existem em andamento 30 obras de pavimentação e outras 13 de reconstrução. Entre elas, diversas obras de pavimentação que estão tirando do isolamento rodoviário a região do Araguaia, que antes era conhecido como Vale do Esquecidos.

Importante rodovia estruturante, que conecta o Norte de Mato Grosso à região do Araguaia, a MT-020 tem recebido diversas obras de pavimentação entre os municípios de Paranatinga e Canarana. As obras estão divididas em oito lotes que totalizam 270 km. As ações fazem parte do Pró-Estradas. Até 2018 elas devem ser finalizada.

Leia também:  Taques começa a semana lançando obras em 12 municípios de MT

A Sinfra encerrou os dois primeiros anos da atual administração com 1.430 km de asfalto concluído em rodovias, considerando as obras de construção (712 km) e de reconstrução (718 km).

Sinfra tem pavimentado diversas rodovias em diversas regiões – Foto por: Gcom-MT

Uma das estradas de maior extensão do Estado, a MT-100 também está dentro dos planos de obras da secretaria estadual. No total, nesta rodovia são cinco obras de pavimentação e uma de reconstrução, localizadas em pontos considerados mais críticos. Muitas ganharam ritmo neste ano, e devem ser finalizadas em 2017.

Cooperação 

As prefeituras têm sido parcerias do Governo na área da infraestrutura. Foram firmados 117 Termos de Cooperação Técnica (TCTs) entre a Sinfra e as prefeituras. O Governo tem repassado milhões de litros de óleo diesel para que sejam utilizados nos maquinários das prefeituras, que tem executado a recuperação de estradas de chão. Além disso, foram firmados ao menos 40 convênios beneficiando diversos municípios até mesmo com massa asfáltica.

Leia também:  No primeiro semestre, população envia 11 mil mensagens à Rede de Ouvidorias em MT

Em todo o estado, também estão sendo reconstruídas rodovias que antes estavam degradadas, com excesso de buracos, porque não recebiam a devida manutenção. Como exemplo, a Sinfra reconstrói a MT-130, entre Primavera do Leste e Paranatinga (a 373 km da capital), considerada um eixo estruturante e que recebe um pesado tráfego de caminhões transportando produtos agrícolas.

A Sinfra recuperou, ainda, o antigo trecho mais crítico da Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), entre o trevo de acesso ao Lago do Manso e o Balneário Mutuca. A pista recebeu asfalto com sete centímetros de espessura. O mesmo tem sido feito na MT-251, no trecho da saída da cidade de Chapada dos Guimarães e a Cachoeirinha.

Sinfra tem pavimentado diversas rodovias em diversas regiões – Foto por: Gcom-MT

Na Baixada Cuiabana, estão em andamento duas históricas duplicações, a da da Estrada da Chapada, e da Rodovia Palmiro Paes de Barros (MT-040) que dá acesso ao município de Santo Antônio de Leverger. As duas estão em ritmo acelerado e serão finalizadas em 2017. Uma terceira deve ser iniciada neste ano. Trata-se da duplicação da Rodovia Hélder Cândia (MT-010), entre o entroncamento com a MT-251 e o trevo de acesso ao Rodoanel.

Leia também:  Protesto contra aumento de impostos sobre combustíveis continua em rodovias de MT
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.