Imagem: Anderson
Anderson de Alcantara Dias, principal suspeito de ter cometido o crime – Foto: Reprodução / ARQUIVO PESSOAL

Anderson de Alcântara Dias, acusado de matar o tio da própria esposa, Osmair Rocha Correia, 44 anos na época, irá a Júri popular na manhã desta segunda-feira (20) no Salão Comunitário do Parque Universitário. Ele está preso enquanto aguarda o julgamento.

O crime aconteceu em novembro de 2012 quando a vítima foi atingida por cinco tiros na cabeça. As investigações apontavam que O denunciado convivia com a sobrinha da vítima e o casal teve uma filha.

A família dela não aceitava a relação dos dois porque o denunciado era agressivo, ameaçava todos e não trabalhava, além de ter ciúmes da vítima Osmair, que era tio de Josieli. Os conflitos familiares se intensificaram e o denunciado resolveu matar a vítima.

Leia também:  Homem é morto a facadas em Primavera do Leste
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.