O que ele tem fumado? (…). Essa foi uma das perguntas feita pelo ex-primeiro-ministro sueco, Carl Bildt,  em relação a um argumento feito por Donald Trump, presidente dos Estados Unidos.

Acontece que Trump está tentando justificar a necessidade de uma maior restrição à entrada de imigrantes e refugiados usando exemplos de atentados terroristas recentes em Nice, Paris, Bruxelas.

Só que durante a tentativa de justificativa, o presidente também citou a Suécia. Ele disse que o país teria recebido um alto número de refugiados. “Eles estão tendo problemas como nunca acharam ser possível”, completou Trump.

Só que a declaração surpreendeu até mesmo os suecos, já que o país registrou um ataque terrorista em 2010. Mesmo nos exemplos usados por Trump de atentados que de fato ocorreram em Nice, Bruxelas e Paris, a justificativa do republicano não se aplicaria. Quase todos os envolvidos nos ataques eram cidadãos franceses ou belgas.

Leia também:  Medeiros dá sinais de que irá trair Taques

A declaração virou alvo de piada nas redes sociais no país e a imprensa americana ficou tentando entender como a Suécia teria entrado nessa lista de Trump.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.