No dia 3 de março, a International Football Association Board (Ifab) fará sua reunião anual em Londres para discutir possíveis novidades nas regras do futebol. E em pauta estará a suspensão temporária ao jogador que receber cartão amarelo. A princípio, a medida deve ser adotada em categorias de base da Europa e em torneios entre veteranos, além de alguns campeonatos amadores.

O “castigo” por conta de cartão amarelo não é novidade em outros esportes, como hóquei sobre o gelo, onde os jogadores ficam fora da partida por alguns minutos sentados em um local específico chamado “penalty box”. Caso os testes sejam aprovados pela entidade, a punição pode passar a vigorar no futebol profissional entre dois e três anos.

Leia também:  Antigo Luthero vira cult e ganha lembrança especial do torcedor

Outras propostas também serão discutidas na reunião da Ifab, como dar mais liberdades às federações de decidirem o número de substituições em uma partida dos torneios realizados em seus países. Além disso, como sugerido pelo ex-jogador holandês Marco Van Basten, chefe técnico da Fifa, será estudada a regra de que apenas o capitão de cada equipe poderá conversar com o árbitro, servindo de porta-voz dos outros jogadores.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.