A torre Eiffel, um dos pontos turísticos mais famosos do mundo, pode ganhar uma parede de vidro ao redor de sua base, uma proteção adicional contra ataques terroristas, disse uma fonte da prefeitura de Paris nesta quinta-feira (9).

A estrutura de 324 metros de altura, que recebe cerca de sete milhões de visitantes por ano, já tem uma cerca de metal de proteção ao redor de sua base, instalada temporariamente para a Eurocopa de 2016.

A França está sob o regime excepcional de estado de emergência desde os ataques em novembro de 2015, que deixaram mais de 130 mortos em Paris. Em 2016, um caminhão atropelou e matou mais de 80 pessoas que assistiam à queima de fogos em comemoração ao Dia da Bastilha, em Nice.

Leia também:  Porto Rico solicita com urgência ajuda dos EUA após furacão Maria

Painéis de vidro de dois metros e meio de altura serão instalados ao redor da base da torre como medida antiterrorista se o plano for aprovado. O projeto será apresentado a uma comissão de obras e depois ao Ministério do Meio Ambiente.

“Temos três objetivos: melhorar o visual, facilitar o acesso e reforçar a proteção de visitantes e funcionários”, disse Jean-François Martins, funcionário da prefeitura, em um comunicado.

O custo do projeto será de cerca de 20 milhões de euros, noticiou o jornal Le Parisien.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.