Imagem: Jovem baleado
Jovem baleado  em residencia as margens da Rodovia do Peixe – Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

Foi enterrado neste domingo (26), no Cemitério Santa Cruz, em Rondonópolis, o corpo do adolescente de 16 anos que foi baleado na cabeça durante uma tentativa de assalto à residência do caseiro que cuidava de um clube de lazer, no dia 15 deste mês.

O jovem, que teve a morte cerebral decretada no último dia 16, estava internado no Hospital Regional e teve o óbito decretado no sábado (25).

Na semana passada, dois irmãos gêmeos foram presos suspeitos de balearem o adolescente. À polícia, eles negaram o crime, mas foram reconhecidos pela mãe da vítima e devem responder pelo crime de latrocínio.

O adolescente foi baleado quando tentava ajudar a mãe a impedir a entrada dos assaltantes na casa. No momento do crime, o pai do jovem não estava em casa. Armados, os assaltantes tentaram arrombar a porta dos fundos da residência onde estavam o adolescente, a mãe dele e mais três irmãs.

Leia também:  Homem é assassinado com tiro na cabeça e criança de 2 anos também é atingida

Segundo o inspetor da PRF, Fernando Souza, ao tentar impedir que os assaltantes entrassem na casa, o jovem foi baleado na cabeça. A PRF afirma que está prestando toda a assistência necessária à família da vítima.

Leia: Adolescente é baleado dentro de casa

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.