Imagem: Ivete Sangalo carnaval 2017
Foto: Reprodução

Às vezes, não basta somente a ajuda do santo para uma escola de samba levantar o público da avenida Marquês de Sapucaí nos desfiles do Carnaval da cidade do Rio de Janeiro (RJ). Um enredo sobre uma cantora carismática é capaz de fazer milagre ainda maior. Foi celebrando a voz e a vida de Maria Bethânia, a menina dos olhos de Oyá, que a Mangueira ganhou o Carnaval carioca em 2016, consagrando e projetando o carnavalesco Leandro Vieira.

A vitória verde-e-rosa parece ter ecoado nas mentes de outros carnavalescos. Na madrugada desta segunda-feira, 27 de janeiro de 2017, a Acadêmicos do Grande Rio levantou a avenida a reboque do carisma de Ivete Sangalo, que abriu e fechou o desfile da escola fluminense de Duque de Caxias (RJ). Sucesso de certa forma esperado, pois a cantora é amada pelo Brasil.

Leia também:  Marília Mendonça é flagrada beijando ator que vai ser pai; veja o vídeo

O sucesso de Ivete na Grande Rio, cujo samba celebra a trajetória da cantora baiana de axé music, confirma a empatia dos enredos sobre as cantoras do Brasil. Tendência que vem se intensificando nos últimos anos, já tendo extrapolado a fronteira carioca e chegado ao Carnaval de Sampa. Não é por acaso que Elba Ramalho, enredo da Tom Maior neste ano de 2017, também fez a escola paulistana sobressair no desfile de São Paulo (SP).

No Rio, o desfile de cantoras já começou na sexta-feira, quando duas escolas da Série A foram para a avenida com enredos sobre vozes do samba e da MPB. A Acadêmicos do Sossego abriu os trabalhos com tributo à cantora e atriz Zezé Motta. Já a Alegria da Zona Sul saudou Beth Carvalho, ilustre mangueirense cujo nome é referência de qualidade no universo do samba.

Leia também:  Quem é Cardi B, a rapper que destronou Taylor Swift do topo das paradas dos EUA

Celebrar a vida e a obra de uma cantora geralmente faz a escola ganhar o público antes mesmo do desfile. País de cantoras, o Brasil tem especial carinho por vozes femininas. Ver uma cantora do alto de um carro alegórico é festa para os olhos e corações que tira o foco de qualquer eventual deslize da escola no desfile.

A Grande Rio pode não se tornar campeã do Carnaval carioca na Quarta-feira de Cinzas, mas já atraiu tantas atenções como se a vitória já fosse da escola. O axé da carismática Ivete Sangalo também faz milagre. De repente, o santo ajuda a Grande Rio e a escola acaba sendo campeã no terreirão do samba carioca…

Leia também:  Depois de 25 anos | Caetano Veloso regrava música composta por Roberto e Erasmo Carlos
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.