Imagem: bafometroA operação Lei Seca no Rondonfolia 2017 tem início hoje (25) e vai até a próxima terça-feira (28),com o objetivo de coibir a direção sob influência de álcool. Conforme informado pelo Gabinete de Gestão Integrada (GGI), a operação terá início todas as noites a partir das 20 horas.

Somente este ano, conforme o relatório de produtividade do GGI, durante a operação Lei Seca em Rondonópolis, 224 motoristas foram abordados, 104 veículos, 128 testes do bafômetro realizados e duas pessoas presas por embriaguez ao volante.

Os autos de infração de trânsito emitidos na operação Lei Seca baseiam-se nos artigos 165 e 277, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). A multa para o motorista que é flagrado dirigindo sob efeito alcoólico é de R$ 2.934,70 e o motorista ainda terá a carteira de habilitação suspensa pelo prazo de 12 meses.

Leia também:  Aeroporto de Rondonópolis pode sair do pacote de privatização

No momento do teste do bafômetro, o condutor que tiver índice de álcool no sangue superior a 0,34 miligramas por litro de ar expelido será preso, pagará a multa, terá a CNH suspensa e responderá por crime. A pena é de detenção que varia entre seis meses a três anos. Quando a quantidade de álcool for abaixo de 0,33mg/l, o condutor é autuado, tem a CNH retida e paga multa.

Organizada pelo GGI, participam das blitz a Polícia Militar (PM), Polícia Judiciária Civil (PJC), Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Gabinete de Apoio a Segurança Pública (Gasp), Departamento de Trânsito (Detran), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Polícia Militar Ambiental e Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).

Leia também:  Prefeitura conquista área de escola e negocia outras duas para creche e espaço de lazer

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.