Imagem: ver Orestes Miraglia SD
Foto: assessoria

O vereador Dr. Orestes Miráglia (SD), apresentou nesta quarta-feira (22), durante Sessão Ordinária da Câmara Municipal, duas indicações de Moção de Aplauso.

A primeira honraria foi destinada à equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU Médica: Luciana Horta; Enfermeira Evilásia Soares e o Condutor Cabo BM Júnior.

A justificativa para a indicação da Moção de aplauso à equipe do Samu, foi porque na noite do último dia 17/02/17, durante o atendimento a uma chamada de emergência via 192, os socorristas acabaram demonstrando inequívoca ação humanitária, ao literalmente salvar a vida de um bebê.

A equipe foi acionada para comparecer a uma residência, onde uma gestante de 22 anos de idade estaria passando mal. Ao chegar ao local a equipe médica, encontrou a paciente já sem vida, em razão de sucessivas crises convulsivas que resultaram numa parada cárdio-respiratória, e por consequência, na morte da paciente.

Leia também:  Deputado Nininho participa da reinauguração da planta frigorífica Minerva

Demonstrando muita habilidade e competência médica, a Drª Luciana Horta e equipe, realizaram o devido socorro, e efetuou uma intervenção cirúrgica de emergência ainda no interior da viatura, realizando o parto que trouxe à luz a filha da paciente.

A médica e a enfermeira realizaram um procedimento de reanimação no bebê, que foi salvo e encaminhado à Maternidade Santa Casa, onde recebeu os devidos cuidados de pediatras de plantão e permanece internada em estado grave.

“Este fato em si, foi um momento muito importante no cotidiano da cidade, que faz valer a pena vivermos aqui, diante de um gesto tão significativo e humanitário” externou o vereador.

HONRARIA A JUSTIÇA

A segunda Moção de Aplauso foi endereçada ao Juiz de Direito, Titular da Primeira Vara Criminal de Rondonópolis Dr. Wladymir Perri, pelo trabalho que vem desenvolvendo na cidade, na tentativa de aproximar o poder judiciário da população.

Leia também:  Prefeito recebe diretores e encaminha demandas da Educação

A justificativa para a indicação da honraria ao magistrado se dá em razão da sua iniciativa pioneira no Estado de Mato Grosso de descentralizar as ações do Tribunal do Júri Popular, levando suas sessões de julgamento aos bairros da cidade, onde os crimes foram cometidos.

Conforme o vereador, a intenção do magistrado, em realizar os júris nas comunidades onde os crimes foram cometidos foi de aproximar o Judiciário da população, mostrando que o mesmo está agindo, e ainda inibir o aumento da criminalidade, por meio da divulgação das penas aplicadas àqueles que cometem crimes contra a vida.

A ação do magistrado foi destacada pelo Tribunal de Justiça do estado, sendo ainda elogiada pela corregedoria.

Leia também:  Zaeli fala do projeto do IPTU e também sobre os problemas no Aeroporto Municipal
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.