Os 16 mil habitantes de Poxoréu aguardam há dez anos a conclusão das obras do Balneário Lagoa, que promete ser uma das principais atrações turísticas da região Sul de Mato Grosso. O Secretário de Estado das Cidades, Wilson Santos, visitou o município nesse final de semana para conhecer de perto a edificação. Durante reunião com o prefeito Nelson Paim, o chefe da pasta firmou compromisso de contribuir para que o complexo seja finalizado.

A obra é composta de três fases, sendo que secretaria de Estado das Cidades (Secid-MT) ficará responsável pela terceira etapa do balneário, que compreende um restaurante, parque, auditório e o projeto de acessibilidade, conforme consta no convênio firmado entre a Secid-MT e prefeitura em 2014. Essa parte da construção custará R$ 3,5 milhões.

De acordo com o prefeito Nelson Paim, o aporte financeiro foi suspenso pela Caixa Econômica Federal (CEF) por inconformidades de projetos, que passa por readequação. Enquanto isso, as obras das duas primeiras fases estão paradas.

Leia também:  Primavera do Leste | Ciretran deve ser reinaugurada na segunda

No entanto, o chefe do poder executivo de Poxoréo acredita que a visita do secretário Wilson e sua equipe técnica contribuirá para que a obra seja destravada e finalizada. “Por questões de inconsistências de projetos a obra está paralisada há dez anos. Nossa motivação no início do mandato é trabalhar juntamente à secid para que possamos finalizar e devolver o espaço para população de Poxoréo, que espera ansiosa por isso. A visita em loco do secretario Wilson Santos e equipe técnica é importante porque possibilita a comprovação real que existe, e a necessidade do empenho técnico e político para que as motivações que estão emperrando a obra sejam sanadas”, avaliou.
Terceira fase

A terceira etapa do complexo sob tutela do Estado já foi licitada, porém só deve ser iniciada após a conclusão das fases anteriores. O secretário Wilson Santos disse que o projeto será prioritário na Secid-MT. “Vamos tratar esse assunto com prioridade e responsabilidade porque é determinação do governador Pedro Taques. A secretaria é responsável pela terceira fase, a primeira e segunda são com a prefeitura em convênio com a Caixa Econômica Federal, mas vamos colaborar na readequação do projeto e na articulação junto à Caixa, para liberação dos recursos”, disparou Wilson Santos.

Leia também:  Eleições suplementares em dois municípios de MT devem custar R$ 197 mil

O secretário de Estado de Agricultura Familiar (Seaf-MT), Suelme Evangelista, que articulou a reunião para tratar sobre a construção do Balneário Lagoa, avalia a visita de Wilson Santos como uma credibilidade do Governo para com o município de Poxoréo. “Há dez anos que essa obra está parada e nunca veio um secretário de Estado aqui preocupado com o encaminhamento dela. É uma credibilidade que o Governo passa ao prefeito. Mais essa obra será destravada, confirmando a marca do Wilson à frente da Secretaria das Cidades. É um dia feliz para Poxoréo, em especial pra mim que pude recepcioná-lo na minha cidade. Fizemos agenda conjunta, cada um com suas demandas e em colaboração. Esse é o governo Pedro Taques, o qual não existe ilhas, não existe secretarias segmentadas. Somos uma grande rede de serviços que se colaboram, se articulam e que juntos buscam saídas sustentáveis para os problemas que temos”, disse.

Leia também:  Primavera do Leste e Mirassol D´Oeste elegem os novos prefeitos
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.