Imagem: ver Mazetti
Vereador Elton Mazetti – Foto: assessoria

O vereador Elton Mazetti (PSC) está preocupado com o término do prolongamento da Avenida Otaviano Muniz, entre a Avenida Poguba e a rodovia Br-364. O motivo é que a obra está paralisada em razão de uma decisão judicial proferida no final do ano passado.

A decisão foi embasada em um pedido do Ministério Público Estadual que questionou o licenciamento ambiental deste trecho da obra. A Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis (Coder) estava conduzindo essa etapa do projeto, a imprimação do asfalto e a construção das vias de ida e de volta já estavam em fase adiantada quando a obra foi paralisada.

O vereador explicou que vai tentar ajudar ao máximo destravar essa obra, ele entende que o término é fundamental, principalmente para atender moradores e trabalhadores que precisam se locomover até o outro lado da rodovia e essa virou a melhor alternativa viária.

Leia também:  Pátio deve chamar Celson para ser interlocutor com a Câmara

Mazetti disse que uma das ações que vai tomar será buscar uma reunião com o Procurador Geral do Município, Anderson Flávio Godoy, para tentar um caminho para resolver a parte jurídica da questão. “Temos que destravar,pois da forma que ficou está complicado”, disse o parlamentar.

O término da obra também é importante, pois muitos moradores estão furando o trecho bloqueado pela justiça por conta própria e mesmo com a interdição utilizando a pista de rolamento que ainda não está finalizada.

Oreferido trecho tem cerca de 800 metros é a representa a última fase do complexo viário da ponte Aroldo Marmo e avenida Otaviano Muniz, inaugurada em dezembro do ano passado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.