Imagem: Reativação base Comunitária Tangará da Serra
Reativação base Comunitária Tangará da Serra – Foto: Assessoria

Tangará da Serra teve sua base comunitária da Polícia Militar reativada. Localizada no bairro Vila Esmeralda, o local atende cerca de 10% da população do município. Ao todo, oito bairros são contemplados pela Base.

Motivado em ver o prédio reformado, o vice-presidente de bairro, Orlando Lima de Almeida, disse que este dia é a realização de um sonho.

“Melhor coisa que poderia acontecer para nossa população. Poder viver este dia é uma grande honra. Estou muito feliz”, falou.

A reativação da Base Comunitária é resultado dos esforços da Secretária de Estado de Segurança Pública (Sesp), da comunidade civil organizada, prefeitura, Câmara de Vereadores, Polícia Judiciária Civil, Corpo de Bombeiros Militar, representantes do Gabinete de Gestão Integrada (GGI), líderes comunitários e dos deputados estaduais, Saturnino Masson e Wagner Ramos.

Leia também:  Sete deputados de MT votam para livrar Temer de investigação

O secretário adjunto de Integração Operacional, coronel PM Marcos Vieira da Cunha, disse que este trabalho só foi possível porque houve união de esforços. “Temos aqui a representação da importância de ter as unidades integradas com a comunidade”, disse.

Moradora do bairro vizinho à Base, Divani Silva Santos, disse que a ação está sendo muito comemorada também pelos comerciantes. “Daqui para frente será uma mudança muito grande, não só para nós da comunidade, como para os empresários da região. Estou muito feliz”.

Para o comandante do 7º Comando Regional, tenente coronel PM Wesney de Castro Sodré, a Base Comunitária levará à população o aparato das forças de segurança e isso vai gerar uma integração com a população.

Leia também:  Dupla rouba malotes de dinheiro que pagariam fiscais de concurso em Cuiabá

“Nosso trabalho é para levar uma melhor segurança para a população, dando oportunidade à participação popular nos planejamentos das ações policiais e das ações comunitárias”, destacou.

Ainda segundo o comandante, a reativação da Base só foi possível pelos recentes investimentos do Governo do Estado em efetivo.

“No ano de 2016, o 7º Comando Regional de Tangara da Serra recebeu do Governo do Estado, um aporte de 52 novos Policiais Militares, que foram distribuídos nos oito municípios pertencentes ao Comando: – Tangará da Serra, Barra do Bugres, Nova Olímpia, Denise, Porto Estrela, Campo Novo do Parecis, Sapezal e Brasnorte”, enfatizou.

A estrutura da Base contará com um efetivo de nove policiais militares, uma viatura, um investigador e um escrivão da Polícia Judiciária Civil.

Leia também:  Servidores públicos lavam AL em ato contra a corrupção

A solenidade de reativação da Base Comunitária foi realizada na noite desta quinta-feira (09.03) e contou com autoridades do Estado, município, lideranças comunitárias e alunos do projeto Guardiões do Futuro, da cidade de Brasnorte.

Mais Bases Comunitárias

Somente em Cuiabá e Várzea Grande, são 17 Bases Comunitárias nos bairros São João Del Rey, Beira Rio, Araés, Três Barras, Pedregal, Moinho, Santa Isabel, Jardim Vitória, Ribeirão do Lipa, Pedra 90, Bosque da Saúde, Planalto, Lixeira, Boa Esperança, Cristo Rei, Jardim Imperial e São Matheus.

Os municípios que possuem uma unidade da Base Comunitária são: Rondonópolis, Barra do Garças, Sinop e Cáceres.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.