29 de novembro de 2020
Mais
    Capa Bastidores Blogueira fez comentário preconceituoso e foi denunciada à Polícia
    PRECONCEITO

    Blogueira fez comentário preconceituoso e foi denunciada à Polícia

    Segundo advogado da blogueira ela estaria depressiva após tentar suicídio

    Uma publicação em rede social em homenagem a uma criança com Síndrome de Down se transformou em Boletim de Ocorrência por injúria na última sexta-feira (24) . O caso aconteceu no Recife e a acusada é a blogueira de Moda Julia Salgueiro, que assina o blog Moda Moda Moda.

    Print da página da tia da criança - Foto: Arquivo pessoal
    Print da página da tia da criança – Foto: Arquivo pessoal

    Na terça-feira (21), data em que é comemorado o Dia Internacional da Síndrome de Down, a jornalista Juliana Preto postou no Facebook uma foto com o sobrinho, uma criança de 11 meses, portador de Síndrome de Down. Entre os comentários, o da blogueira Julia Salgueiro chamou a atenção por fazer uma infeliz comparação. “É que nem filhote de cachorro. Lindos quando são pequenos (…)”, escreveu ela, entre outras palavras de teor negativo.

    A mãe da criança, Maria Cláudia Albuquerque, registrou um Boletim de Ocorrência contra a blogueira na Delegacia.

    SUICÍDIO

    O advogado Humberto Cavalcante, que defende os interesses da blogueira enviou ao Jornal do Commerico de Pernambuco uma nota informando que a sua cliente está em tratamento contra uma depressão após ter tentado o suicídio.

    “Diante da repercussão negativa e das imagens propagadas fora do contexto, viemos esclarecer que o que vem sendo compartilhado não corresponde à realidade dos fatos. O que era apenas um debate entre colegas de forma coloquial numa rede social, foi mal interpretado de maneira diferente do real significado. Além do mais, uma discussão onde foi colocada uma visão geral do problema foi tida como ofensa pessoal aos envolvidos quando não foi. Julia além de não ser a favor do preconceito de nenhuma forma ainda defende minorias. Ainda é importante ressaltar que Julia passa por um processo depressivo e de síndrome do pânico, em fase de tratamento, após uma lamentável tentativa de suicídio. Temos certeza que, após a ida à polícia para depoimento, tudo ficará esclarecido. Fatos isolados e frases soltas usadas de forma a criar um novo texto, podem distorcer qualquer história, pois a maneira de interpretar o texto poderá sofrer várias abordagens. Grato desde já pela ouvida de minha cliente. Humberto Cavalcante OAB 43.099”

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS