Uma criança de um ano e quatro meses morreu atropelada por volta da meia-noite desta quarta-feira (8), na saída de um condomínio na Vila Carlota, em Campo Grande. A menina entrou na frente do carro e o motorista não percebeu. Socorristas tentaram reanimá-la, mas ela não resistiu.

Imagem: criança é atropelada em condominio
TV Morena

De acordo com a polícia, o motorista era amigo da família e foi ao local, na rua do Dinar, para fazer uma visita. No momento em que deixava o condomínio, ninguém percebeu que a menina estava na frente do veículo.

Algumas pessoas gritaram para avisar o que havia acontecido. Um médico que estava no local fez os primeiros socorros até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Corpo de Bombeiros. A mãe ficou em estado de choque e foi amparada por vizinhos e amigos.

Leia também:  Esmeraldas são apreendidas pela PF e 10 pessoas presas por suspeita de corrupção

Os socorristas tentaram reanimar a vítima por aproximadamente 40 minutos, porém, ela não resistiu aos ferimentos. O motorista permaneceu no local e fez o teste do bafômetro, o resultado apontou que ele não tinha ingerido bebida alcoólica.
O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do Bairro Piratininga como homicídio culposo na direção de veículo automotor.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.