Imagem: A explosão aconteceu quando a lava entrou em contato com um bloco de neve
Foto: Salvatore Allegra/AP

Dez pessoas ficaram feridas nesta quinta-feira (16) após a explosão de uma cratera do vulcão Etna, na ilha da Sicília (sul da Itália), e seis delas foram hospitalizadas, segundo informou a imprensa local.

Os feridos estavam visitando um das crateras da encosta sudeste do vulcão e seis deles foram transferidos aos hospitais de Catânia e de Acireale.

A explosão aconteceu quando a lava entrou em contato com um bloco de neve que tapava a cratera e os turistas foram atingidos por lascas de pedras expelidas.

Essa explosão após dois dias em que o vulcão entrou em uma nova fase de erupção, uma atividade que está sendo controlada pelo Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia (INGV).

Leia também:  Bar oferece cerveja gratuita para quem devolver pôster furtado de Trump

Este órgão divulgou imagens nas quais é possível apreciar as explosões de lava e de cinza em uma cratera da encosta sudeste do vulcão, que alcançam os 200 metros de altura.
O Etna, que com seus 3, 3 mil metros de altura, é o vulcão mais ativo da Europa, está situado na parte oriental da ilha da Sicília, entre as províncias de Messina e Catânia, e sua última erupção ocorreu em 28 de fevereiro.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.