Imagem: quadrilha é presa com lotes de roupas vindo de Bolívia Foto:Foto: Gefron/Divulgação
quadrilha é presa com lotes de roupas vindo de Bolívia Foto:Foto: Gefron/Divulgação

Seis pessoas foram presas na MT-265, no município de Porto Esperidião, a 358 km de Cuiabá, com uma carga de 15 toneladas de roupas compradas na Bolívia. A prisão ocorreu na quarta-feira (15). De acordo com o Grupo Especial de Fronteira (Gefron-MT), a carga é avaliada em R$ 1 milhão. À polícia, o condutor informou que receberia R$ 8 mil para fazer o transporte dos objetos. Além das roupas, rádios comunicadores foram apreendidos no veículo.

De acordo com o Gefron, as roupas eram transportadas na carroceria do caminhão. Durante buscas no veículo, foram encontrados rádios comunicadores sem licença de funcionamento da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Os objetos, segundo os presos, eram usados para receber informações sobre as patrulhas policiais na região.

Leia também:  Grampos Telefônicos | MPE oferece denúncia contra cinco Militares

Em depoimento, o condutor do caminhão relatou que receberia R$ 8 mil para entregar a carga no município de Cáceres, a 220 km de Cuiabá.

Os outros presos, estavam em carros que eram usados, segundo o Gefron, como batedores. Ao todo, três carros foram abordados. Em todos eles foram apreendidos rádios comunicadores. Os presos têm idade entre 25 e 34 anos.

Segundo o Gefron, um dos detidos possuía mandado de prisão em aberto por quebra de condicional em uma ação por tráfico de drogas. Eles devem responder por descaminho e crime contra a lei de comunicações.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.