Imagem: Euds Oliveira
Vereador Euds Oliveira – Foto: Reprodução / André da FM

O vereador de Alto Taquari, Euds Oliveira (PMDB), juntamente com o servidor Girlei dos Santos Ferreira, irão responder a um Inquérito Civil para apurar a prática de improbidade administrativa nos dois últimos anos em que o parlamentar foi presidente da Câmara Municipal. Atualmente ele continua vereador na Casa.

Em uma denúncia sigilosa feita ao Ministério Público consta que os acusados teriam desviado dinheiro público e exigido pagamento de vantagens ilícitas para contratação do ente político. O Ministério Público instaurou inquérito para apurar os possíveis atos e danos ao erário.

Se comprovado os crimes, os acusados poderão ter a suspensão dos direitos políticos, perda da função pública, indisponibilidade dos bens e ressarcimento ao eráreo.

Procurado pela equipe de reportagem, o vereador afirmou que os documentos exigidos pelo órgão já foram entregues e que ele aguarda a notificação para falar sobre o caso.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.